quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

Emprego

Alow pessoas!! Cá estou eu para contar a minha mais recente aventura nesse grande iglu!
Sexta-feira passada, menos de uma semana aqui, recebi o meu primeiro e-mail convocando para uma entrevista. Como já era tarde, liguei na segunda-feira e a entrevista foi marcada para o mesmo dia a tarde. WOW! Oo

Pois é... a empresa é em Mississauga. Logo ali onde o diabo perdeu as botas. Peguei o subway até o FIM da linha e depois um ônibus que levou mais 30 min - SEM TRÂNSITO NENHUM - pra chegar lá. Mas foi bem tranquilo. A entrevista se desenrolou nornalmente e eles disseram que ligarariam para os candidatos aprovados para a segunda etapa. Na volta, peguei o Onibus de volta para a estação de metro e cheguei sã e salva.

No mesmo dia, lá pelas 17h, me ligam convocando para a segunda parte da entrevista, que consistiria de um dia inteiro com eles, das 12h30 às 21h acompanhando a equipe para que a gente pudesse ver como funcionava o trabalho, já que era muita coisa e seria complicado de explicar. Depois eu descobri que não era bem assim kkkkkk No anúncio do emprego dizia: Publicidade, propaganda, MKT e eventos!

No dia seguinte cheguei lá 10 minutos antes.

Detalhe: NUNCA se atrase. Aqui eles levam pontualidade muito a sério!
Nos apresentaram uma equipe com 3 vendedores, mais eu e uma outra pobre candidata. Entramos num carro e fomo até GUELPH. Uma hora de carro por estradas livres e desempedidas.
Calma, não me sequestraram ou tentaram me matar. No entanto, formamos duplas e nos separamos. Eu fiquei com um GURI que devia ter uns 21 anos, totalmente hiperativo e louco num condomínio de, mais ou menos 150 casas, indo de uma em uma, porta em porta, vendendo produtos da Rogers - que é uma empresa se TV, Cel e Telefone fixo daqui. Detalhe é que LÁ estava Nevando, devia estar uns -8.

No fim das contas, passei de 13h30 às 20h andando debaixo de neve, acompanhada de uma criança louca e ouvindo os piores desaforos dos clientes kkkkkkkkkkkkk E o que é melhor: NÃO tem salário fixo. Você está "on your own". Era só as comissões. Nada certo no fim do mês.

Foi UÓ!

Óbvio que pulei fora kkkkkkkkkk mas valeu a experiência. Por mais que eu esteja precisando de emprego eu sou totalmente contra esse tipo de "Marketing" - que eu não considero mkt. Acho que é uma venda que você faz quase de coerção, pressão, a pessoa acaba comprando pra se livrar do pentelho que está na sua frente. AFF

Se for pra ir atrás de um survival job desse, prefiro trabalhar na McDonalds.
Enfim, sei que às 21h voltamos de Guelph para a empresa, onde haveria a última parte do teste. O abigobal que ficou comigo me perguntou se eu tinha gostado e se gostaria de ir para a próxima fase. Eu, educadamente declinei do convite e me despedi por ali.

Então, 21h, em Mississauga. Eu tinha que voltar pra casa. Me dirijo para a parada onde havia pego o ônibus para voltar para a estação de metro no dia anterior. Lembram?

Pois é... os ônibus aqui demoram, geralmente 20 minutos entre um e outro e em toda parada tem a tabela com os horários que ele passa. Eu sei que MEIA hora esperando o ônibus e NADA do famigerado, a ANTA paralítica que vos fala resolveu olhar no poste os horários. EIS que ele só passava até as 19h e era 21h30.

U-HUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUU

É nesse momento que eu levanto a cabeça, estufo o peito, respiro fundo e penso: AGORA FUDEU!

mas nada de pânico, certo?

Ok, há uma McDonalds la perto. Vou lá perguntar. Cheguei lá..."errr... por favor, preciso de ajuda... eu preciso voltar para a estação Kipling e o Bus que passa aqui só passa até as 7pm. Onde posso pegar outro que me leve pra Kipling?"

A menina, muito solicita me responde: "Humm... ok, ta vendo aquele sinal ali? - e me ponta um sinal lá na casa do KCT - E eu digo "sim, to vendo"

"Pronto, anda em direção a ele, depois dobra a esquerda, segue reto... depois de um tempo, vc vai ver uma rua e dobra nela a direita... la vc vai ver uma parada chamada rathford. La passa bus pra Kipling"

Oo WHAT THE HELL!?

Pois bem, lá vai a super antinha andando, sozinha, na neve, num descampado que me lembrou muito aquela região do Campus da UFPE - para quem é de Recife - e nem UM pé de alma na rua... e eu penso: Cara, se fosse no Recife eu já tinha sido esquartejada 6 vezes, estuprada 9  e jogada no rio, não necessariamente nessa ordem.

Sei que, o famigerado ônibus passa e eu agradeço a Nessie (piada interna) pelo aquecedor do ônibus kkkkkk

Enfim, cheguei em casa sã e salva às 23h

Moral de hoje: nem sempre acredite no que está escrito nos anúncios de emprego!

13 comentários:

César, Valéria, Lara e Anaclara disse...

Quem nunca entrou numa fria desses com esses anúncios famigerados? No Brasil então, tá cheio.

E a vida segue...

Claudia e João disse...

hahahahaha eu tambem ja passei por isso, alias por issoS: emprego roubada e frio intenso onde judas perdeu as botas de neve.

boa sorte na proxima =*

Conexão Torrica-QC disse...

Nossa, vc é super corajosa! É isso aí, tem que meter o carão mesmo pra adquirir experiência e ter história pra contar pros que estão do lado de cá. :)
Bonne chance!

patitando disse...

Tudo bem se eu rir?
Porque eu ri muito desse seu relato rs...
Bom saber, eu sou publicitária e espero conseguir ficar de fora desse tipo de furada por aí!

abraço!

2much-ice disse...

OiRossana,

Putz, todo mundo ja passou por uma coisa assim né? Fala sério, rsrs.
Espero que logo logo chegue o empreguinho pra nos todos. Falando nisso, o que vc está achando do COSTI e do abrigo?Tu vai fazer algum cursos desss de jobsearch?
Hoje fomos la no YMCA da Charles st. e é preciso fazer um teste de inglês antes ... ( é mole ?? )E aí sim vc entra num curso desses se alcançar a nota 6...rss.
Vamos marcar la pra fazer.

Acho que amanhã iremos la no COSTI tb ...

Bom, um bj gelado.

Ninha

Raïssa Lages disse...

tu es uma figura mesmo! amei ler esse blog. ainda acrescento q é a 1a vez que dou gargalhada sozinha lendo um blog "a lá imigração". tb fquei feliz em ver q as coisas estao indo bem. e ainda, orgulhosa de ver q vc manteve sua promessa e continua escrevendo e nos mantendo atualizados. bjo grande e boa sorte por ai!

Mircala disse...

Rohhhhh eu morei em missisauga, minha tia mora ali...e tb trabalhei em um bar na beira da estrada..bom, n era bem um bar, era um lugar q vende kebabs, etc...e sei o q eh pegar esse tal onibus para ir a toronto hehehee madre mía! sorteeee da proxima vez! beijossss
Mirky

Das coxias disse...

Rô,

li isso morrendo de rir e imaginando a tua cara... infelizmente, realmente, realmente, devemos desconfiar de grande parte dessas "propagandas" de emprego.

Have a nice day, my friend! And good luck!

Beijocas! Nataly

Rejane disse...

Veja só: Ser estuprada e esquartejada não é prática aqui do Recife não tá baby? Você anda ssistindo muito SVU. Mas ele é passado nos EUA e não qui no Brasil. Ser assaltada em uma situação desta aqui seria praticamente certo, e, havendo reação, poderia terminar em assassinato. Mas crimes sexuais e tal não é prerrogativa de países menos desenvolvidos socialmente não viu? Na verdade, se você lembrar bem, a `prática da violência sexual em nosso Estado está restrista ao nível doméstico. Não se tem notícia de tarados estuprando e e esquartejando pelas ruas do Recife. Fique esperta porque, pelo menos no vizinho aí é o que mais tem. Se bem que o vizinho não pode estar classificado como socialmente desenvolvido. Mas é considerado primeiro mundo. Tenho certeza de que de assalto você está livre aí. Mas lembre, psicopata existe no mundo todo. Até mesmo no Canadá. Bjs

. disse...

srsrsrsr mt bom o post! é de fato precisamos passar por uma dessas para termos boas histórias para contar! vc eh da área de marketing?
abraços

fred e luh
www.luefred.blogspot.com

Nós no Canadá disse...

hauhuahuahuahuah

Menina! Que aventura hein? Ainda bem q vc chegou sã e salva. :)

Boa sorte na próxima empreitada!! Já já vc encontra um job bem legal!

Estamos torcendo e acompanhado suas aventuras. Os posts estão ótimos!

Quando for em Montreal avisa para a gente se encontrar, tá?

Beijos.

Maíra.
canadafm.wordpress.com

JSP disse...

Kkkkkkkkk, Ross, tu se excedeu dessa vez, rsrsrs! Essa foi demais...

Menina, vai logo para Starbucks, depois tu fica só escolhendo empregos a dedo, e vê se arruma alguma coisa por perto... rsrs

Olha, você viu o Headquarters da Visão Mundial em Mississauga?? Minha ida para Toronto vai depender de uma vaga por lá.
Vê se dá uma passada por lá e fala com o Mr. Jenkins pra ele me dá uma boquinha.

Ah, sobre o esquartejamento sei que você exagerou só um pouquito, mas a Rejane daí de cima tá precisando assistir Cardinot, ou então ir conversar com Raissa lá na delegacia... rsrs

Abraços e boa sorte na proxima entrevista!!

Camillo disse...

Ok, literalmente, entrando numa fria. :) Mas é isso aí, vamos que vamos e a próxima será melhor do que essa.

bjus e boa sorte :)